Isolamento Social e Teleatendimento: recursos digitais viabilizando conexões

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Durante a pandemia do Coronavírus, sem poder sair de casa e com o distanciamento social, viu-se a dificuldade de prestar e receber inúmeros serviços que eram realizados presencialmente. Porém, as empresas, o governo e hospitais viram a necessidade de introduzir recursos tecnológicos para viabilizar atendimentos de forma digital, garantindo segurança e praticidade para os cidadãos em um período tão complicado.

Sabe-se que ao longo dos anos a sociedade mudou seu funcionamento, abriu espaço para o avanço de várias tecnologias e com o passar do tempo o mundo se tornou mais digital e conectado. Agora em tempos de crise, esse avanço tecnológico foi ainda maior e acelerado do que nos anos passados. Só o governo brasileiro lançou 130 serviços digitais, que antes eram realizados apenas presencialmente. Isso tem feito com que a população, de um modo geral, consuma cada vez mais serviços com a característica digital.

Entre os serviços disponibilizados estão aplicativos como o do Auxílio Emergencial e o E-título. Além disso, na área de saúde, também foi lançado o aplicativo Coronavírus-SUS, que possui dicas para evitar o contágio, orientações de como proceder, caso apresente sintomas, indicações de unidades de saúde mais próximas e atualizações feitas pelo Ministério da Saúde, deixando o cidadão mais conectado e a par da situação da pandemia.

Este ano, no dia 15 de março, foi aprovada a Lei nº 13.989 que estabelece o uso da telemedicina, em caráter emergencial, enquanto durar a pandemia do Coronavírus, ou seja, agora é possível realizar atendimentos médicos a distância. Muitas empresas já disponibilizam este tipo de serviço, evitando idas aos postos de saúde, contribuindo com um atendimento mais rápido e acesso à informação confiável.

A digitalização dos serviços públicos otimizou processos que eram considerados lentos e burocráticos pelos cidadãos, proporcionando mais praticidade para o dia a dia do cidadão, promovendo uma melhor interação com o funcionalismo público, possibilitando a continuidade do trabalho e dos avanços mesmo durante a pandemia, porém com segurança. Há 10 anos atrás essa poderia ser uma realidade inimaginável, com a necessidade de ir pessoalmente a repartição pública para ter a sua necessidade atendida, porém atualmente, este novo ambiente tecnológico se mostra cada dia mais necessário e promissor.

Outros serviços como de delivery e compras online cresceram mais de 30% durante a pandemia, criando um comportamento para o cidadão que insere cada dia mais a tecnologia e suas facilidades em seu dia a dia.

Buscando entregar o que há de mais moderno em soluções tecnológicas, a Sonner desenvolveu o novo recurso de teleatendimento por videoconferência. Além de promover a interação entre o poder público e a população, esta inovação possibilita a gestão de diversos processos, gerando mais eficiência para o governo. O recurso de videoconferência está disponível em 3 áreas da administração pública:

  • Educação: A sala de aula virtual propicia mais qualidade e eficácia para a experiência de ensino remoto a partir da interação entre professores e alunos, que podem sanar as dúvidas em tempo real
  • Saúde: O recurso da telemedicina viabiliza consultas com médicos a distância, evitando a contaminação e agilizando o atendimento dos pacientes [com quadros mais leves.]
  • Serviços ao Cidadão: O teleatendimento por videoconferência viabiliza a continuidade do atendimento seguro ao cidadão, que agora acessa os serviços digitais do governo online.
    Embora não possamos prever o futuro e as mudanças tecnológicas que ainda virão, os novos hábitos e comportamentos incorporados certamente irão se instalar cada vez mais na sociedade, mesmo após a pandemia do Coronavírus.

Referências:
https://saude.abril.com.br/medicina/a-era-da-consulta-virtual/
https://www.mpxbrasil.com.br/Midia/Artigos/Pandemia-do-coronavirus-expoe-beneficios-dos-servicos-tecnologicos-35/
https://www.contabilizei.com.br/contabilidade-online/negocios-digitais-pos-pandemia-coronavirus/
https://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2020-05/governo-lancou-130-servicos-digitais-durante-pandemia-de-coronavirus
https://www.castgroup.com.br/blog/digitalizacao-de-servicos-publicos-e-os-beneficios-para-o-governo-e-sociedade/
https://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2020-04/compras-por-aplicativos-tem-alta-de-30-durante-pandemia-diz-pesquisa

Entre em contato conosco e nos acompanhe nas redes sociais:

SonnerNews

SonnerNews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado pelo seu cadastro!

Em breve você receberá nosso conteúdo
no e-mail cadastrado!